sexta-feira, 20 de agosto de 2010

A felicidade

Cá estou eu a refletir sobre um programa que vi outro dia na TV. Lá debatiam e davam dicas sobre a tão sonhada FELICIDADE nos tempos de hoje! Um tema bastante abordado nos livro de auto-ajuda, que deve vender horrores...
Penso que hoje todos andam numa corrida frenética em busca da FELICIDADE. Estão buscando em livros, horas de terapias, yogas... Até em lojas! Esse mundo está perdido mesmo!
As pessoas estão passando despercebidas umas pelas outras, diariamente, cruzando e descruzando apressadas, de cabeças baixas, com suas rugas de preocupação incríveis na testa... Correndo pra alcançar sei lá o quê, que nem mesmo elas sabem!
Daí me pego a lembrar de um ocorrido num dia desses qualquer, ínicio de noite, pior horário pra se tentar cruzar uma cidade de carro... Mas em meio a essa correria toda, estava eu parada alí, num sinal fechado, pasmada, olhando a bela e deslumbrante Lua em minha frente, posando lá, toda imponente no Céu, como uma grande bola de neve, apenas pra ser admirada por qualquer um que a percebesse. Então de repente, saí de minha distração quando ouvi uma buzina nervosa de um carro impaciente pra seguir. Olhei pelo retrovisor a pessoa no carro atrás do meu, com ar de reprovação e segui viagem imaginando que aquela pessoa estava tão apressada que nem percebeu o que a fitava naquele início de noite tão lindo! Aquela Lua alí, linda no Céu, tão simples de admiração que vai ver é por isso que hoje não chama tanta atenção.

7 comentários:

  1. Não só olha pra mim, mas me vê assim
    Como eu sou.
    Como estou,
    Me pergunta e fica pra ouvir a resposta.
    Não vai ainda me deixa saber de você também.
    Que é pra eu guardar algo seu,
    Enqunato você não vem.

    ResponderExcluir
  2. Tem um poema de Mário Quintana que fala sobre a felicidade também, dizendo que ela é muito simples por isso as vezes passa despercebida! Gostei.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ain não sabia não! vou procurar!

    ResponderExcluir
  4. Tudo que parece meio bobo é sempre muito bonito, porque não tem complicação. Coisa simples é lindo. E existe muito pouco. É que vezenquando dá uma saudade na gente dessas coisas. São todas coisas simples. Meio bobas, muito bonitas.

    ResponderExcluir
  5. ...Faça o que for necessário para ser feliz. Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade. Ela transmite paz e não sentimentos fortes, que nos atormenta e provoca inquietude no nosso coração. Isso pode ser alegria, paixão, entusiasmo, mas não felicidade...

    Mário Quintana

    ResponderExcluir
  6. Quando penso em felicidade, lembro da música infantil de Toquinho:
    "Se um pinguinho de tinta/ Cai num pedacinho
    Azul do papel/ Num instante imagino/ Uma linda gaivota/ A voar no céu..."
    Um pinguinho de tinta poderia ser uma sujeira no papel e virar uma bolinha a caminho do lixo. Mas é muito melhor imaginar "uma linda gaivota a voar no céu..." e ver a vida com mais cor e leveza.

    ResponderExcluir
  7. Tão singelo e tão completo... lindo, lindo!

    ResponderExcluir